APARTAMENTO DE CAMPO

área  :  102.00 m²  |  ano  :  2017  |  Serra Pernambucana


A atmosfera artsy, cores e design de ponta fazem a arquitetura para um flat no campo.

A área de 102.00m² é totalmente reconfigurada, em um apartamento projetado como refúgio de fim de semana para um casal que adora arte.

A área social é ampliada, assim como a cozinha americana, e a varanda é eliminada. Os espaços tornam-se mais agradáveis, articulados  e confortáveis.

Os acabamentos são personalizados, a marcenaria é projetada sob medida e a luminotécnica é assinada pela nossa equipe. Móveis de design fazem a ambientação.

A área social ganha piso em porcelanato com aspecto de cimentado  —  e aplique em placas da Portobello com aparência de ladrilho, em uma faixa que vai da bancada da cozinha à base da mesa de jantar.

As salas formam um espaço integrado e aberto para a paisagem. O sofá em camurça e couro é da Italica Casa, assim como as poltronas e a mesa de centro. Em laca vermelha, o móvel para equipamentos é da Adresse.

A mesa de jantar é desenhada especialmente para o projeto  —  o tampo circular em aço e nanoglass apoia-se sobre base com aplique em porcelanato da Portobello, que se estende até a bancada da cozinha americana.

Nas paredes, obras de Eudes Mota  —  em arrojadas molduras de aço  —, Romero de Andrade Lima, José Cláudio, Roberto Burle Marx e Roberto Ploeg, além de cerâmica de Francisco Brennand e coleção de relógios antigos.

+ saiba mais

A cozinha apresenta armários desenhados pela nossa equipe e fabricados pela Florense, além de equipamentos em inox e bancada em nanoglass. Ao lado, telas coloridas de Eudes Mota e óleo sobre tela de Carlos Pragana.

A pia em aço inox, no lavabo, é sob medida e faz par com o porcelanato Concretyssima, da Portobello, e com obra de Reynaldo Fonseca. A escada de acesso ao andar superior é desenhada em nanoglass, madeira e vidro.

Na parede de acesso ao primeiro andar, coleção de molduras antigas. Nas suítes superiores, o piso é em lâminas vinílicas com aparência de madeira. A marcenaria é sob medida, assim como os encostos das camas.

As paredes ganham acabamento em papel, os armários são da Florense e os enxovais, em tecidos da Maria Casa. Na suíte de hóspedes, mesinha lateral e cadeira em acrílico, da Kartell.

Na suíte máster, mesas de cabeceira em laca vermelha, da Adresse, tela de Eudes Mota e luminária da Artemide. O cabideiro antigo arremata a cena.

Pin It on Pinterest

Share This